“NEM TÃO DISTANTES": RELAÇÕES ENTRE O UNIFORME ESCOLAR E A MODA EUROPEIA – UM ESTUDO DE CASO

  • Claudia Schemes
  • Universidade Feevale
  • claudias@feevale.br
  • Denise Castilhos de Araujo
  • Universidade Feevale
  • deniseca@feevale.br
  • Ida Helena Thön
  • Universidade Feevale
  • idaht@feevale.br

RESUMO: Este artigo analisa o uniforme escolar no Brasil e suas relações com a moda nacional e internacional. Realizamos uma pesquisa bibliográfica e um estudo de caso com uma escola fundada no século XIX, no interior do Rio Grande do Sul, a Fundação Evangélica, para observarmos de que forma a moda europeia influenciou as vestimentas de seus alunos.

PALAVRAS-CHAVE: Uniforme escolar – Moda – Fundação Evangélica

ARANHA, Maria Lúcia de Arruda. História da Educação e da Pedagogia: Geral e do Brasil. São Paulo: Moderna, 2006.

BRAGA, João. História da moda: uma narrativa. São Paulo: Anhembi Morumbi, 2004.

ECO, Humberto. O hábito fala pelo monge. In: ECO, Humberto. Psicologia do vestir. 3.ed. Lisboa: Assírio e Alvim, 1989.

FARIAS, Rita de Cássia Pereira. Entre a igualdade e a distinção: a trama social de uma grande empresa corporificada no uniforme de trabalho. Tese (Doutorado em Antropologia Social). Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Estadual de Campinas. Campinas, 2010, p. 257 Disponível em: http://cutter.unicamp.br/document/?code=000477102

KANNENBERG, Hilmar. Fundação Evangélica – Um século a serviço da educação (1886 a 1986). São Leopoldo: Rotermund, 1987.

LEHNERT, Gertrud. História da Moda do Século XX. Colônia: Könemann, 2000.

LONZA, Furio. História do uniforme escolar no Brasil. Brasília: Ministério da Cultura, 2005.

MOUTINHO, Maria Rita e VALENÇA, Máslova Teixeira (Orgs) A Moda no século XX. Rio de Janeiro: Ed. Senac Nacional, 2000.

PEROSA, Graziela Serroni. A aprendizagem das diferenças sociais: classe, gênero e corpo em uma escola para meninas. In. Cadernos Pagu. Campinas. Junho 2006, vol. 26, p. 87 – 111. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/cpa/n26/30387.pdf

PEROSA, Graziela Serroni. Três escolas para meninas. 2005. Tese (Doutorado em Educação) Faculdade de Educação da Universidade de Campinas, Campinas, 2005. Disponível em http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=vtls000350856

PILETTI, Nelson. História da Educação no Brasil. 7. ed. São Paulo: Ática, 1997.

SILVA, Katiene Nogueira da. “Criança calçada, criança sadia!”: sobre os uniformes escolares no período de expansão da escola pública paulista (1950/1970). 2006. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-29062007-152705/pt-br.php

Revista Vogue, Paris, 15 de outubro de 1913.