OS LITERATOS PORTUGUESES DA PRIMEIRA METADE DO SÉCULO XIX E AS ARTES:
CONSIDERAÇÕES SOBRE O JORNAL DAS BELLASARTES (1843 - 1846)

  • Eduardo da Cruz
  • Universidade Federal Fluminense – UFF
  • eduardodacruz@gmail.com

RESUMO: Em 1843, em Portugal, Almeida Garrett começou a publicação do Jornal das Bellas-Artes, cujo projeto incluía, além da divulgação, pela reprodução, de pinturas guardadas ou produzidas na Academia de Belas Artes de Lisboa, a criação de poemas ou narrativas ficcionais inspirados por essas obras. A partir da leitura desse periódico, investigamos como um grupo de literatos portugueses da primeira metade do século XIX relacionava-se com a arte e a possibilidade de criação estético-literária a partir da recepção de artes plásticas naquele período.

PALAVRAS-CHAVE: Literatura e outras artes – Periódicos literários – Recepção de artes plásticas

ACADEMIA DE BELLAS ARTES. Revista Universal Lisbonense, Tomo III (1843-1844), Lisboa, 07 de dezembro de 1843.

ALVES, Ida F.Cartas de António Feliciano de Castilho a Camilo Castelo Branco no Real Gabinete Português de Leitura do Rio de Janeiro. Convergência Lusíada, Rio de Janeiro, v. 22, p. 177 – 200, 2006.

BENJAMIN, Walter. A obra de arte na era de sua reprodutibilidade técnica. In: ______Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da cultura. Tradução Sérgio Paulo Rouanet. 7ª Ed. São Paulo: Brasiliense, 1994.

BENJAMIN, Walter. Sobre o conceito de História. In: Magia e técnica, arte e política: ensaios sobre literatura e história da cultura. Trad. Sérgio Paulo Rouanet. 7.ed. São Paulo: Brasiliense, 1994.

CASTILHO, António Feliciano. Cartas de Echo e Narciso dedicadas á Mocidade Academica da Universidade de Coimbra – Seguidas de differentes Peças, relativas ao mesmo objecto. 4ª Ed. Coimbra: Imprensa da Universidade, 1843.

CASTILHO, Júlio. Memórias de Castilho – Livro IV. In: O Instituto – Revista Scientifica e Litteraria. Volume XLI (Julho e 1893 a Dezembro de 1984). Coimbra: Imprensa da Universidade, 1894.

CASTILHO, António Feliciano. O Presbitério da Montanha. vol I. Lisboa: Empreza da Historia de Portugal, 1906.

FIGUEIREDO, Fidelino de. História da Literatura Romântica. 3ª Edição (revista) São Paulo: Anchieta, 1946.

FRANÇA, José-Augusto. A Arte Portuguesa de Oitocentos. Biblioteca Breve vol. 28. 3ª ed. Lisboa: Instituto de Cultura e Língua Portuguesa/Ministério da Educação, 1992.

GARRETT, Almeida. Obras de Almeida Garrett. Volume II. Porto: Lello & Irmão, 1963.

HERCULANO, Alexandre. Eurico, o Presbítero. 41ª Ed. Amadora: Betrand, s.d.

HERCULANO, Alexandre. Os Egressos: petição humilíssima a favor de uma classe desgraçada. In: ______. Opúsculos I. 7ª ed. Amadora: Bertrand, s.d

HERCULANO, Alexandre. Qual é o estado da nossa literatura? Qual é o trilho que ela hoje tem a seguir?. In: Opúsculos IX. 3ª Ed. Amadora: Bertrand, s.d.

HERCULANO, Alexandre. O Pároco de Aldeia – O Galego: Vida, ditos e feitos de Lázaro Tomé. Prefácio e Revisão de Vitorino Nemésio. Amadora: Bertrand, 1969.

JORNAL DAS BELLAS-ARTES. Revista Universal Lisbonense, Tomo II (1842-1843), Lisboa, 09 de março de 1843.

JORNAL DAS BELLAS ARTES. Revista Universal Lisbonense, Tomo V (1845-1846), Lisboa, 13 de novembro de 1845.

MENDES, Elisa Maria Carneiro. Almeida Garrett e a Crítica de Arte na 1ª metade do século XIX. In: Garrett e as Artes: Actas do Ciclo de Conferências. Évora: Centro de História da Arte da Universidade de Évora, 2002.

SILVA, Rebelo da. Academia de Bellas-Artes. In: Revista Universal Lisbonense, Tomo III (1843-1844), Lisboa, 7 de dezembro de 1843.

TENGARRINHA, José. História da Imprensa Periódica Portuguesa. 2ª Ed. Revista e Aumentada. Lisboa: Caminho, 1989.