O FILME-COLAGEM NA ESCRITURA VISUAL DE LUIZ ROSEMBERG FILHO

  • Heloisa Selma Fernandes Capel
  • Universidade Federal de Goiás – UFG
  • hcapel@gmail.com
  • Leonardo Cesar do Carmo
  • Rede Estadual de Ensino de São Paulo
  • leonardo.carmo@gmail.com

RESUMO: Este artigo explora as possibilidades de leitura das visualidades narrativas na obra do cineasta e artista plástico Luiz Rosemberg Filho. Parte da hipótese que seus filmes podem ser lidos como colagens visuais, inspirados nos princípios do cinema russo da montagem das atrações. Na escritura visual de Luiz Rosemberg Filho, os fundamentos estéticos e políticos da montagem são aplicados não para expressar a realidade, mas problematizar a explicação que o cinema narrativo dá à sociedade. A pesquisa examina a potencialidade de leitura de seu cinema experimental por meio da comparação entre suas colagens artísticas e opções estéticas utilizadas no filme A$suntina das Américas (1976).

PALAVRAS-CHAVE: Visualidades narrativas – Montagem das atrações – Luiz Rosemberg Filho

ANDRADE, Oswald de Andrade.  Serafim Ponte Grande. São Paulo: Globo, 2007.

CARDOSO, Fernando Henrique; FALETTO, Enzo. Dependência e Desenvolvimento da América Latina. Rio de Janeiro, Zahar, 1970.

EISENSTEIN, S. M. A Montagem das Atrações. In: CARMO, Leonardo César do. Cadernos de Cinema e Educação, Goiânia, Secretaria do Estado da Educação, Vol. 3, 2002.

FABRIS, Annateresa. Diálogos entre Imagens: fotografia e pintura na pop art britânica. Revista Porto Arte, Porto Alegre, V.15, n. 25. Nov/Dez.2008.

GREENBERG, Clement. Vanguarda e Kitsch. In: GREENBERG, Clement. Arte e Cultura – Ensaios Críticos. São Paulo: Ática, 1996.

REICH, Wilhelm. A Psicologia de Massas do Fascismo. 2 ed. São Paulo: Martins Fontes, 1998.

ROSEMBERG FILHO, Luiz Rosemberg. “Assuntina das Amérikas” ou “tudo vai bem” no mundo “animado” do cinema. Artigo do Diretor Sobre o Filme – 10/11/2007).
Disponível em: http://www.cineconhecimento.com/2011/02/assuntina-das-amerikas/

ROSEMBERG FILHO, Luiz. Revisitando A Chinesa, de Jean-Luc Godard. Via Política, Livre Informação e Cultura. Laser Press Comunicação.
Disponível em: <http://www.viapolitica.com.br/cinema_view.php?id_cinema=302>

XAVIER, Ismail. O Discurso Cinematográfico. A Opacidade e a Transparência. São Paulo: Paz e Terra, 2005.